Sexta-feira, 21 de Outubro de 2005

BATALHÃO BUFFALO

merc.jpg

O Jorge Neto chamou a atenção para uma reportagem que, infelizmente, não acompanhei. Tratava de uma peça fundamental para comprender a brutalidade da reacção colonial-apartheid à independência e emancipação na zona sul-sudoeste de África, ou seja, o batalhão de mercenários chamado de “Batalhão Buffalo” e que constituía uma força de operações especiais de elite que combateu três frentes “subversivas” – o MPLA, o ANC e a SWAPO.

Com o aproximar do fim do apartheid, o “Batalhão Buffalo” foi desmantelado mas muitos dos seus membros, sub-agrupados, mantiveram-se em actividade, intervindo noutros conflitos em África. Uma parte destes mercenários, os de origem sãotomense, voltou a São Tomé (terá havido um acordo secreto e nebuloso para o seu regresso à terra natal, em que lhe teriam sido prometidas “contrapartidas” para a sua fixação) e ainda não parou de ser uma força organizada que aparece na ribalta de São Tomé sempre que aquele país entra em ebulição.

Aqui está uma das muitas histórias mal conhecidas por mal contadas e que seria interessante conhecer melhor.

Adenda: E já agora, sobre este tema e para o eventual curioso em querer conhecer uma apreciação nas antípodas da minha, poupando-me o trabalho de a desenvolver, sff vá ler aqui.
publicado por João Tunes às 16:50
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. NOVO POISO

. OS VOTOS E OS RATOS

. Bom fim-de-semana

. A Guidinha é que sabe...

. SABER CONTAR

. VIOLÊNCIA SOBRE AS CRIANÇ...

. UM CRIATIVO (ou a melhor...

. PROFESSOR EGAS MONIZ

. UM PARA UM

. REVISÃO

.arquivos

. Setembro 2007

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds